RIO - Não é só o Brasil que vem sendo destaque nas feiras literárias internac..."/>

MINIST√ČRIO DA CULTURA, PREFEITURA DA CIDADE DO RIO DE JANEIRO AND SECRETARIA MUNICIPAL DE CULTURA PRESENT

COME AND EXPERIENCE
MANY STORIES.

news

Bienal do Livro do Rio traz Eduardo Sacheri, Martín Kohan e outros escritores argentinos

05/08/2015 em via O Globo

Compartilhe:




RIO - Não é só o Brasil que vem sendo destaque nas feiras literárias internacionais. A Argentina também está em alta: de 2010 para cá, foi a convidada de honra em Frankfurt, Paris, Lima e Guadalajara; agora em setembro (de 3 a 13), será o país homenageado pela Bienal do Livro do Rio. Esse será o ano de recorde de autores chamados a participar, com 200 nomes, dos quais, 27 estrangeiros, e 14 argentinos virão falar ao público brasileiro.

Entre eles, Eduardo Sacheri, cujo romance A Pergunta dos Seus Olhos (2005) deu origem a O Segredo dos Seus Olhos, Oscar de melhor filme estrangeiro em 2010, e o veterano Noé Jitrik, um dos críticos literários mais importantes do continente.

O país vai montar um estande de 400 metros quadrados em formato de geleira, para o qual serão levados assuntos não só de sua literatura, mas também temas como cinema e futebol, além de questões políticas, como a luta das Mães da Praça de Maio por informações sobre os desaparecidos políticos da ditadura e a briga pelas Ilhas Malvinas, que pertencem à Inglaterra desde o século 19, e cuja retomada é reclamada até hoje.

Uma exposição será montada em torno da personagem Mafalda, cujo pai, o cartunista Quino, não poderá vir. Autores considerados pilares, Jorge Luis Borges (1899-1986) e Julio Cortázar (1914-1984) terão destaque. Três shows de grupos instrumentais de tango e jazz estão programados para a Sala Cecília Meireles. “A Argentina tem o maior número de leitores da América Latina e Buenos Aires é a cidade com maior quantidade de livrarias no mundo. O Brasil é um dos principais destinos das obras que têm tradução apoiada pelo governo”, disse o diplomata Gonzalo Entenza, encarregado da programação de seu país na Bienal.

A crise não abalou essa edição, segundo o presidente do Sindicato Nacional dos Editores de Livros, Marcos Pereira, que realiza a feira junto com a empresa de eventos Fagga. O espaço expositivo no Riocentro cresceu 80 metros quadrados, e duas atrações inéditas voltadas a crianças e adolescentes irão estrear. O público deve crescer em relação a 2013, porque dessa vez o feriado de 7 de setembro cai numa segunda-feira, e o dia de folga costuma levar mais visitantes ao Riocentro. São esperadas 70 mil pessoas por dia.

Uma área externa, atrás da praça de alimentação, foi criada para receber os escritores-celebridade, que atraem uma multidão não suportada pelos corredores dos pavilhões. “Vamos ser como na Disney”, brinca Pereira. “Vamos organizar filas e dar senhas. Se cada autógrafo com selfie levar quinze segundos, o autor teria que ficar seis horas para atender a 1.500 fãs”.

Os escritores ficarão num espaço com ar condicionado, guardados de possíveis arroubos. A salinha tem como candidatos superstars da literatura, como o norte-americano Jeff Kinney, criador da série O Diário de um Banana, que chegou ao título de mais vendido para o público infantojuvenil nos Estados Unidos, e o britânico David Nicholls, do romance Um Dia. A programação cultural da Bienal do livro do Rio de Janeiro está em www.bienaldolivro.com.br.



Use the #EUAMOLER and #BIENALRIO hashtags and share your love for reading.

SPONSOR
entre letras sponsorship
LITERARY CAF√Č OFFICIAL PAPER
OFFICIAL SECURITY
e-commerce
CULTURAL SUPPORT
SUPPORT
digital area support
OFICIAL TRANSPORTATION
media partner
UNIVERSITY SUPPORT
REALIZATION
AGENTS & BUSINESS CENTER
ORGANIZED AND PROMOTED BY
INFORMATION, QUESTIONS AND
CUSTOMER SERVICE:

+55 21 2441-9348
Working hours: 13:00 to 19:00
contato@bienaldolivro.com.br
PRESS:
Approach Comunicação Integrada
21 3461-4616 - Ramal 133
Adriane Constante
bienal@approach.com.br
ADDRESS
Rua Salvador Allende 6.555
Barra da Tijuca · RJ
22783-127 · Brazil