notícias

Plemiado na 17ª Bienal

04/09/2015 via O Globo

Compartilhe:



Muitas crianças aprenderam e tomaram gosto pela leitura através dos quadrinhos de Maurício de Sousa, que em outubro completa 80 anos. E as comemorações já começaram. Ontem, durante a abertura da 17ª Bienal do Livro do Rio, no Riocentro, na Barra da Tijuca, o cartunista recebeu o prêmio José Olympio das mãos de sua célebre dupla de personagens - Mônica e Cebolinha.

Durante a ceromônia, Sousa disse se orgulhar pelo fato de "A Turma da Mônica" contribuir para a alfabetização: "Os gibis são parte de uma bela coleção de cartilhas informais." Concedido pelo Sindicato Nacional dos Editores de Livros (SNEL), o prêmio é uma forma de homenagear a contribuição de personalidades ao mercado editorial.

O cartunista disse também que vive um momento "marcante", por lançar 42 livros em diferentes editoras.

"Hermanos" homenageados
O embaixador da Argentina Luis María Krekler, também esteve presente na abertura. O país latino-americano é o homenageado deste ano.

Marcos Pereira, presidente da SNEL, ressaltou que os brasileiros "têm muito a aprender" com a nação vizinha, devido ao interesse que os argentinos têm pela literatura.

A 17ª Bienal do Livro espera atrair público recorde de 700 mil pessoas durante os 11 dias de evento



Use as tags #EUAMOLER e #BIENALRIO e compartilhe seu amor pela leitura.

realização
INFORMAÇÕES, DÚVIDAS E SAC:
+55 21 2441 9348
Atendimento: 9h às 15h
contato@bienaldolivro.com.br
endereço
Rua Salvador Allende 6.555
Barra da Tijuca · RJ
22783-127 · Brasil